motor

VOLVO XC40 RECHARGE 2020, O PRIMEIRO EV DA MARCA

Publicado em: 4/12/2019

Carlos Abeleira

A VOLVO ENTRA NA BRIGA EV COM UM ROSTO BEM FAMILIAR E UM MOTOR DE EXCELENTE DESEMPENHO PARA A CATEGORIA.

volvo-xc40-recharge-2020

A Volvo também estabeleceu um plano para seus carros elétricos do futuro, comprometendo-se a revelar um veículo totalmente elétrico a cada ano até 2025. Inaugura a linha EV com o XC40 que os engenheiros sustentaram que essa plataforma CMA modular foi construída com a eletrificação em mente.

volvo-xc40-recharge-2020 (3)

Ele possui uma bateria de 78 kWh, com boa autonomia de 330 km e chega a ser carregado até 80% em 40 minutos com carregadores de alta performance. Traz dois motores elétricos com tração nas quatro rodas que geram 402 cavalos de potência combinados, 487 libras de torque, atingindo os 100 km / h em apenas 4,9 segundos – números impressionantes para esta classe de veículo.

volvo-xc40-recharge-2020 (2)

As diferenças entre o XC40 e seu irmão EV são só as óbvias, como a frente sem grade de ventilação e a eliminação dos tubos de escape do carro por meio de um pára-choque traseiro reprojetado. Todo XC40, alimentado por bateria, recebe um teto preto e vem com rodas exclusivas de 19 ou 20 polegadas. Há um pequeno distintivo “Recharge” no pilar C do crossover também.

volvo-xc40-recharge-2020 (1)
A mídia internacional já elogiou o interior do XC40 sendo redundante falar do XC40 EV. Uma nova interface do motorista foi projetada especificamente para o serviço de carro elétrico. O sistema de infotainment está sendo executado em um sistema Android baseado no Google. Isso traz o adorável Assistente do Google e seu impressionante reconhecimento de voz no carro. As atualizações a distância também estarão disponíveis para o XC40, mantendo não apenas o infotainment, mas toda a tecnologia do carro atualizada.

volvo-xc40-recharge-2020 (4)
Os proprietários XC40 Recharge terão um mimo: serão reembolsados do gasto com recargas por um ano. Não foi divulgado oficialmente o seu preço e nem o início das vendas, mas a previsão é para o início de 2020 nos EUA.

Comentários

Powered by Facebook Comments