saúde

POR QUE VOCÊ SE SENTE CANSADO O TEMPO TODO?

Publicado em: 15/11/2019

Hannah Nichols. – MNT – Medical News Today – Inglaterra – Checagem de conteúdo por Jasmin Collier

 

Nesse artigo compilamos uma lista seguindo pesquisas médicas mais recentes, dos motivos mais comuns de cansaço e o que você pode fazer para reagir.

shutterstock_132360467

Você costuma se perguntar: “Por que fico tão cansado o tempo todo?” Nesse caso, este artigo pode ser uma leitura perfeita para você; compilamos uma lista dos motivos mais comuns de cansaço e o que você pode fazer para reagir.
De acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CCPD), cerca de 15,3% da Fonte Confiável de mulheres e 10,1% dos homens regularmente se sentem muito cansados ou exaustos nos Estados Unidos.
O cansaço pode causar uma série de problemas. Por exemplo, cerca de 1 em cada 25 motoristas adultos relatam que dormem ao volante todos os meses.
Cerca de 72.000 acidentes e 44.000 lesões a cada ano são resultado de dirigir sonolento, e isso sem mencionar os estimados 6.000 acidentes fatais causados por motoristas sonolentos.
Todo mundo se sente cansado em algum momento de suas vidas – seja devido a uma saída noturna, ficar acordado para assistir seu programa de TV favorito ou passar algumas horas extras no trabalho.
Muitas vezes, você pode apontar o motivo pelo qual não está se sentindo bem, mas e aqueles momentos em que não consegue identificar a causa do cansaço? O que te faz se sentir cansado, então?
O Medical News Today pesquisou as possíveis explicações do por que você pode estar se sentindo tão esgotado e as etapas que poderá tomar para se sentir revigorado.

 

1. Falta de sono

A falta de sono pode parecer uma razão óbvia para se sentir cansado, mas 1 em cada 3 adultos norte-americanos não dorme o suficiente.
Pessoas com idades entre 18 e 60 anos precisam de 7 ou mais horas de sono todos os dias para obter a saúde ideal, de acordo com a Academia Americana de Medicina do Sono e a Sociedade de Pesquisa do Sono.
Ter menos que as horas recomendadas de sono todas as noites não está apenas associado à fadiga, desempenho prejudicado e maior risco de acidentes, mas também tem resultados adversos à saúde.
Isso inclui obesidade, pressão alta, depressão, doenças cardíacas, derrame e um risco aumentado de morte.
Se você se esforça para dormir 7 horas, aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a obter uma dose completa do sono necessário:

• Mantenha uma rotina consistente de sono. Tente ir para a cama no mesmo horário todas as noites e acordar no mesmo horário todas as manhãs – mesmo nos finais de semana.

• Evite Sonecas. Precisamos de uma certa quantidade de sono dentro de um período de 24 horas e não mais do que isso. Tirar sonecas reduzem a quantidade de sono que necessitamos na noite seguinte, o que pode atrapalhar e fragmentar o sono.

• Limite o tempo acordado na cama para 5-10 minutos. Se você estiver deitado e acordado, preocupado ou com a mente acelerada, saia da cama e sente-se no escuro até sentir sono, depois volte para a cama.

• Verifique se seu quarto está silencioso, escuro e na temperatura ideal. Qualquer luz que entra no seu quarto pode atrapalhar o seu sono. Verifique se seu quarto está escuro e se a luz emitida por dispositivos digitais está longe da vista. As temperaturas mais baixas são consideradas melhores para ter uma boa noite de sono do que as temperaturas mais quentes.

• Limite de bebidas com cafeína. Tente não consumir bebidas com cafeína depois do meio dia. Os efeitos estimulantes da cafeína podem durar muitas horas após a ingestão e causar problemas com o início do sono.

• Evite tabaco e álcool antes de dormir. Fumar e beber álcool antes de ir para a cama pode deixar o sono fragmentado.
Se você pratica todos os hábitos de sono listados acima e ainda acorda cansado, seria interessante entrar em contato com seu médico para ver se tem algum problema médico relacionado ao sono, como insônia, apneia obstrutiva do sono ou síndrome das pernas inquietas.

2. Má alimentação

A maneira mais fácil de eliminar o cansaço é fazer ajustes na sua dieta. Estar em uma dieta saudável e equilibrada pode fazer a diferença na maneira como você se sente.
Para melhorar sua saúde e obter os nutrientes de que você precisa – além de eliminar a fadiga – escolha uma mistura saudável de alimentos dos cinco grupos de alimentos: frutas, legumes, grãos, proteínas e laticínios.

• Coma a quantidade certa de calorias para o seu sexo, idade, peso e nível de atividade. Comer muito ou pouco pode fazer você se sentir lento.

• Encha metade do seu prato com frutas e legumes. Se concentre em comer frutas inteiras e uma seleção de vegetais.

• Certifique-se de que grãos integrais compõem metade dos grãos que você consome. Exemplos de grãos integrais incluem arroz integral, aveia, farinha de milho integral, bulgur e farinha de trigo integral.

• Mude para laticínios com pouca gordura e sem gordura para ajudar a limitar suas calorias a partir de gorduras saturadas.

• Varie sua rotina de proteínas. Diminua o consumo das carnes processadas, optando mais pelas magras, escolha nozes e sementes sem sal e selecione alguns frutos do mar ricos em ômega-3.

• Reduza o açúcar. O açúcar pode causar uma rápida descarga de energia, mas se desgasta rapidamente e pode fazer você se sentir mais cansado. Evite alimentos e bebidas com muito açúcar adicionado.

• Nunca pule o café da manhã. Ignorar regularmente o café da manhã pode fazer com que você perca os principais nutrientes e a energia necessária para iniciar o seu dia.

• Beba bastante água. A água potável pode ajudar a prevenir a desidratação, o que resulta em fadiga, pensamentos confusos, alterações de humor, superaquecimento e constipação.

3. Estilo de vida sedentário

Quando o cansaço aparece, sentar no sofá e relaxar pode parecer a única resposta. Mas levantar-se e mover-se pode ser a melhor coisa que você pode fazer para reenergizar e erradicar a fadiga.
Uma pesquisa da University of Geórgia (UGA) em Atenas descobriu que, comparado a sentar-se em silêncio, um único exercício de intensidade moderada, com duração de pelo menos 20 minutos, ajudou a aumentar a energia.
Um estudo anterior da UGA também descobriu que quando indivíduos sedentários realizavam regularmente um programa de exercícios, sua fadiga melhorava em comparação com aqueles que não o faziam.
As Diretrizes de Atividade Física do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos para Americanos constatam que adultos precisam de 2 horas e 30 minutos de exercício de intensidade moderada semanais e atividades de fortalecimento muscular que trabalham todos os principais grupos musculares em 2 ou mais dias por semana.
Pode parecer muito tempo para se exercitar, mas você pode ter sua atividade espalhada por toda a semana e, no total, é apenas a quantidade de tempo que você passaria assistindo a um filme.
Se você não se exercita há um tempo, comece devagar. Inicie com uma caminhada leve de 10 minutos todos os dias e depois intensifique com um andar mais rápido por 30 minutos, 5 dias por semana.
Caminhadas rápidas, hidroginástica, andar de bicicleta, jogar tênis e até empurrar um cortador de grama podem contar para seu tempo gasto em exercícios de intensidade moderada.

 

Elderly Manager Overwhelmed by Work

 

 

4. Estresse Excessivo

Muitas situações podem causar estresse. Trabalho, problemas financeiros, problemas de relacionamento, grandes eventos da vida e transtornos como mudança de casa, desemprego e luto – a lista de estressores em potencial é interminável.
Um pouco de estresse pode ser saudável e, na verdade, pode nos deixar mais alertas e capazes de ter um desempenho melhor em tarefas como entrevistas, mas o estresse só é positivo se tiver vida curta.
O estresse excessivo e prolongado pode causar exaustão física e emocional e levar a doenças.
O estresse faz com que seu corpo gere mais substâncias químicas de “luta ou fuga”, projetadas para preparar seu corpo para uma emergência.
Em situações como um ambiente de escritório em que você não pode fugir ou lutar, os produtos químicos que seu corpo produziu para protegê-lo não podem ser usados e, com o tempo, podem prejudicar sua saúde.
Se as pressões que você enfrenta estão fazendo você se sentir cansado demais ou com dores de cabeça, enxaquecas ou tensão muscular, não ignore esses sinais. Tire um tempo até se sentir mais calmo ou tente algumas dessas dicas.

• Identifique a fonte do estresse. Até que você reconheça o que está originando e alimentando o estresse, você não poderá controlar seus níveis.

• Mantenha um diário para identificar padrões e temas comuns relacionados ao estresse.

• Aprenda a dizer não. Nunca se comprometa demais – esteja atento aos seus limites e cumpra-os.

• Evite aqueles que o estressam. Se houver alguém em sua vida lhe gerando estresse em grande quantidade, tente passar menos tempo em sua companhia.

• Comunique suas preocupações. Aprenda a expressar seus sentimentos e preocupações ao invés de mantê-los engarrafados se algo estiver incomodando você.

• Veja as situações de uma maneira diferente. Tente olhar para situações estressantes com uma visão mais positiva. Por exemplo, se você estiver preso em um engarrafamento, encare como uma oportunidade de passar um tempo sozinho e ouvir suas músicas favoritas.

• Olhe para o panorama geral. Pense se a situação estressante será importante dentro de um mês. Vale a pena ficar chateado?

• Aprenda a perdoar. Somos todos humanos e frequentemente cometemos erros. Abandone a raiva, ressentimentos e energia negativa, perdoando os amigos, familiares, colegas e siga em frente.

Physical activity is a significant stress reliever and releases feel-good endorphins. If you are feeling stress build up, go for a walk, take your dog out, or even put on some music and dance around the room.
A atividade física é um alívio significativo do estresse e libera endorfinas, que causam o bem estar. Se você estiver sentindo que o estresse está aumentando, dê um passeio, leve seu cachorro para fora ou até mesmo coloque música e dance pela sala.

5. Condições médicas

Caso tenha feito mudanças no estilo de vida relacionadas à sua atividade física, dieta, níveis de estresse e sono, mas ainda se sente cansado o tempo todo, pode haver uma condição médica subjacente.
Algumas das condições mais comuns que relatam fadiga como sintoma principal incluem:

• Anemia

• tireóide hipoativa

• diabetes

• ansiedade

• depressão

• síndrome da fadiga crônica

• infecção do trato urinário

• intolerância alimentar

• doença cardíaca

• febre glandular

• gravidez

• deficiências de vitaminas e minerais

Caso desconfie ter uma condição médica que possa estar causando cansaço, marque uma consulta com seu médico para discutir suas preocupações o quanto antes.

 

Comentários

Powered by Facebook Comments