viagem

A HISTÓRICA BOSTON DE HARVARD E MIT

Publicado em: 1/12/2017

No verão ou inverno, repleta de vida, sabedoria,
história e esporte. Descubra o turismo acadêmico

Rafael Dall’Anese

Boston é uma cidade moderna com traços históricos

Cheguei na cidade nos primeiros dias do ano com a neve já velha, espalhada por todos os lados, mas apesar do frio, o clima era agradável. Incomodava apenas o vento gelado na beira do Rio Charles, que divide as cidades de Cambridge e Boston.
Fiquei surpreso ao constatar que mesmo em uma região de inverno rigoroso, a cidade era cheia de vida, sempre com muitas pessoas circulando pelas ruas e nas praças muitos pássaros e esquilos. Até durante uma forte nevasca, famílias brincavam com bonecos de neve. Durante os dois meses que lá passei, percebi que o inverno não intimida a imensa programação cultural, esportiva e a vida noturna.

PALCO DA HISTÓRIA AMERICANA
A histórica cidade de Boston, nos Estados Unidos, surpreende pela sua ambivalência de realidades. O passado e o presente estão intercalados. Enquanto o estilo clássico e a história do local se manifestam, as tecnologias e o modernismo também são incorporados pela cidade. Uma cidade antiga/moderna completa, com ares jovens e ritmo desacelerado, um prato cheio para os turistas. Ela é acolhedora e desfila a história da América em suas esquinas, nos lindos parques e nos formidáveis museus.
Para se deslocar pela cidade, com mais conforto térmico, o metrô é uma ótima alternativa, viagem rápida para qualquer lugar da cidade com o charme de curtir shows de artistas de rua nas estações.
No centro de Boston, a arquitetura é moderna e arrojada, mas alguns bairros residenciais como Beacon Hill tem uma linda arquitetura preservada dos séculos XVIII e XIX, sendo impossível andar por estas ruas e não imaginar a vida naquela época.

VIBRANTE ATMOSFERA ACADÊMICA
O ponto alto são as universidades. Um exemplo disso, é a Harvard Square. Lá muitos jovens de várias nacionalidades, estudantes das universidades, dos colégios de intercâmbio ou apenas turistas curiosos em conhecer mais sobre as duas melhores universidades do mundo passeiam pelas avenidas e parques. Tudo cercado pela atmosfera universitária que ronda Harvard e MIT.
Boston é um dos principais centros acadêmicos dos EUA e do mundo, e andar pelos câmpus, comer nos restaurantes das universidades ou até ver um jogo da liga universitária são experiências únicas. Fiquei impressionado ao ver em um jogo de Hockey em Harvard, a torcida vibrante e apaixonada não esmorecer apesar de seu time estar sendo massacrado. É um espetáculo turístico a parte e um choque cultural para nós brasileiros.

HARVARD E MIT: 137 PRÊMIOS NOBEL
Harvard é a universidade mais antiga dos EUA, fundada em 1636. Considerada a melhor universidade do mundo pelo ranking da Center for World University Rankings (CWUR). Os estudantes formados por Harvard já ganharam 47 prêmios Nobel e 48 prêmios Pulitzer. Além disso, por seus corredores já andaram 32 ex-presidentes norte-americanos. Já o Massachussetts institute of Tecnology (MIT) foi fundado em 1861. É considerada a terceira melhor universidade do mundo pelo CWUR. A instituição tem 89 prêmios Nobel, 58 ganhadores da National Medal of Science e cinco prêmios Pulitzer.
Por isto e muito mais vale realizar os tours básicos pelos câmpus. Harvard possui ainda um tour histórico para quem quer conhecer mais sobre curiosidades e história da incrível escola.
Seu grande número de cientistas criaram museus científicos de referências mundiais. O MIT Museum destaca-se pelas suas grandes descobertas tecnológicas e o Harvard Museum of Natural History com seus fantásticos exemplares de ossada de animais pré-históricos, incluindo o único fóssil restaurado e montado de um Kronossauro.
Vale ressaltar que ambas as universidades estão localizadas na linda e tranquila cidade vizinha, Cambridge, do outro lado do rio.
A cidade possui ainda muito mais opções de boa educação universitária como a Boston University, Northeastern University, Boston College, dentre outras.

IMPERDÍVEL ROTEIRO DE MUSEUS
A cidade pautada pela história certamente reflete no espetacular roteiro de museus. Entre os espaços, o Museum of Fine Arts possui o segundo maior acervo do país; Isabella Stewart Gardner Museum surpreendente pela maneira como apresenta as peças dispostas dentro de um lindo palácio; o Museum of Science destaca-se pelo acervo interativo e repleto de experiências práticas; e o Institute of Contemporary Art que, além de apresentar um prédio com arquitetura inovadora, oferece um acervo extremamente atual, revelando novos artistas ao público.
O público infantil não pode ser esquecido. Também existem museus dedicados para as crianças que se interessam em se aprofundar pela ciência. O Children’s Museum apresenta ciência de uma maneira leve e divertida, sempre envolvendo brincadeiras. Enquanto o New England Aquarium põe as crianças em contato direto com a vida marinha.

SEDE DE GRANDES TIMES MUNDIAIS
Se você for apaixonado por esporte então Boston é a sua cidade. Lá você pode ir a jogos das quatro principais ligas norte americanas, NBA, NFL, NHL e MLB. Fui a dois jogos da NBA e a atmosfera não poderia ser melhor. Arena sempre lotada, com um clima bem diferente dos estádios de futebol do Brasil.
Boston tem uma grande tradição nos esportes. Nas quatro principais ligas norte-americanas a cidade tem times tradicionais e que já ganharam muitos títulos. A experiência de ir a um estádio é única, indo muito além do jogo. Nos intervalos dos jogos é possível ver apresentações de cheerleaders, entre outros espetáculos.
Os times da cidade se destacam nacionalmente nas principais modalidades:
Futebol Americano – o New England patriots atual campeão do Super Bowl, é o segundo time com mais títulos da NFL. Seu estádio, o Gillete Stadium, é um dos mais famosos da liga.
Basquete – o Boston Celtics é o time com o maior número de títulos da NBA. É também um dos lados da moeda da maior rivalidade do esporte, entre o time de Boston e o Los Angeles Lakers.
Baseball – o Boston Red Sox tem talvez a história mais famosa do baseball norte americano. A “maldição do Banbino”, começou na temporada 1919/1920, quando o time vendeu sua estrela Babe Ruth, “o Bambino”. A maldição foi quebrada em 2004, quando o time finalmente venceu um título da Word Series quebrando um jejum de 86 anos. A última vez que tinham ganhado um título foi em 1918.
Hockey – o Boston Bruins é o quinto time com mais títulos na NHL. O time divide seus jogos com o Boston Celtics na arena multiuso TD Garden.
Caso você queira curtir os esportes, sem o glamour das ligas profissionais, é possível vivenciar a experiência assistindo jogos da NCAA, a liga universitária norte americana em que se digladiam as diversas escolas da cidade, Harvard, MIT, Boston College, entre outros.
Informações completas e a compra de tickets para os jogos estão disponíveis nos sites das ligas.

FREEDOM TRAIL: A MAIOR ATRAÇÃO
A principal atração turística da capital de Massachusetts é a Freedom Trail, uma trilha que passa pelos principais pontos turísticos da cidade. No total são 16 pontos de paradas. O legal é que você pode ir até o começo da caminhada e pegar o seu mapa para conhecer os lugares conforme as linhas indicadas no chão. Lá você também pode contratar guias especializados e até mesmo alugar uma bicicleta.
O ponto de partida é o parque Boston Common, o parque público mais antigo dos EUA. No local existe um quiosque de informação, onde você pode sanar todas as suas dúvidas. Selecionamos três dos principais pontos de parada pela trilha:
Massachusetts State House
A sede do governo de Massachusetts é um dos prédios mais belos da cidade e está localizado no bairro Beacon Hill. Para os turistas mais empolgados existe um tour que pode ser feito no interior do prédio. É só acessar o site http://www.sec.state.ma.us e agendar a sua visita.
Old State House
Construído para ser sede da colônia, em 1713, o museu carrega muita história. O local, considerado Patrimônio Histórico, foi palco de um dos eventos mais trágicos da história dos EUA, o Massacre de Boston, quando colonos foram mortos na porta do prédio. Além disso, foi palco de grandes decisões que culminaram na Revolução Americana.
Copp’s Hill Burying Ground
O Segundo maior cemitério do período colonial está localizado no alto da colina em North End. Robert Newman, famoso personagem da história de Boston, está enterrado lá. Devido à altura do terreno, o cemitério foi usado pelas tropas britânicas para treinamento de tiros de canhão antes da batalha de Bunker Hill. O Copp’s Hill Burying Ground é o décimo quarto passo da Freedom Trail.

RICA E ACESSÍVEL GASTRONOMIA
A gastronomia do local é de dar água na boca. Por ser uma cidade histórica, com muitos turistas e culturas variadas, os restaurantes sofrem muita influência e são um ponto forte.
Caranguejos, ostras e camarões são os principais ingrediente para as mais deliciosas receitas locais. A culinária da região é conhecida pelo nome de New England Food e possui traços da influência marítima e dos colonizadores.
Um dos pratos locais mais famosos é uma sopa cremosa de mariscos que leva o nome de Clam Chowder. Além disso, as tradições estrangeiras também colaboram para a produção de pratos mestiços sensacionais. Exemplo disso são pratos com características marítimas com a cultura italiana.
Destacamos alguns restaurantes famosos que valem a experiência:
L’Espalier
O restaurante possui estrela Michelin e grande influência italiana e francesa.
Union Oyster House
O restaurante mais antigo em funcionamento dos EUA deve ser visitado. O cardápio adaptado ao longo dos 191 anos é tipicamente de Boston.
Mike’s Pastry
A especialidade da casa são os cannolis, típicos doces italianos. Mas os demais doces da casa também são uma tentação para qualquer um.
Lobster Roll
O famoso sanduíche com um pão tipo de hot dog e com recheio de lagosta na manteiga é sensação em Boston. Não perca a oportunidade de se deliciar com essa iguaria!
O Quincy Market
Ao lado do Feneuil Hall, (no roteiro da  Freedom Trail) um mercado paraíso para os turistas que procuram por gastronomia popular. O prédio data de 1826 e abriga dezenas de pequenos comércios com vários tipos de comida, como patas de caranguejos, entre outras iguarias. Foi o primeiro grande projeto de Boston depois de se tornar oficialmente cidade. A região em seu entorno também conta com muitos restaurantes, bares, pubs e casas noturnas
A influência não para por aí. Os universitários estimularam a culinária dos hambúrgueres, um mais variado e delicioso que o outro.
Fui a muitos restaurantes pequenos, de bairro, fora do eixo turístico. Encontrei diversas nacionalidades de culinárias espalhadas pela cidade, sempre uma nova experiência e muito acessível. Os falafels árabes, os burritos mexicanos, a culinária coreana ou a tailandesa são sempre uma boa pedida para fast foods diferentes saborosos e econômicos.

SOSSEGO NA CAPITAL DE MASSACHUSETTS
Os ambientes ao ar livre são um dos lugares favoritos pelos habitantes de Boston, por isso, muitos shows, piqueniques e atividades ao ar livre acontecem nos parques da cidade.
Os arredores dos locais verdes possuem muitas atrações como restaurantes e bares. Parques como Boston Common, Arnold Arboretum e Public Garden oferecem paisagens maravilhosas no verão e muito gelo no inverno. A cidade consegue equilibrar a calmaria dos momentos verdes, com a velocidade tecnológica e uma empolgante história. Somada a atmosfera estudantil, Boston cativa trazendo a todos o desejo de ficar mais e mais.

Comentários

Powered by Facebook Comments