família

Ensinar é fundamental. Parte 2

Publicado em: 12/11/2012

Fotos Carlos Sérgio

Para um bom desempenho no futuro

É no ensino fundamental que a criança começa a aprender a ler, escrever, realizar operações matemáticas simples e a conviver em sociedade.

Um excelente aprendizado da criança no ensino fundamental é decisivo para que ela tenha um bom desempenho na faculdade e, então, estar mais bem preparada para enfrentar o tão concorrido mercado de trabalho. É o que aponta um estudo de 2011 do Insper-SP (Instituto de Ensino e Pesquisa de São Paulo). De acordo com a pesquisa, isso se dá porque é nesse período que as crianças apresentam um maior potencial de melhorias. A pesquisa também revelou que, quanto mais cedo a criança ingressar na escola, maiores serão as chances de ela ter sucesso na vida.

Valéria Dellafina Barone, coordenadora pedagógica do Colégio Asther, afirma que esse período do ensino fundamental é importantíssimo para o aprendizado. “É uma época de vontade de aprender e quanto mais usar isso a favor do aprendizado mais sucesso a pessoa vai ter”, afirma. É no ensino fundamental que a criança começa a aprender a ler, escrever, realizar operações matemáticas simples, ter um primeiro contato com os conteúdos e a conviver em sociedade e, assim começar a formar uma opinião crítica sobre ela. Aos poucos, ela vai formando as bases de conhecimento, que são a capacidade de interpretação e raciocínio, a facilidade para a leitura e a escrita. Uma vez tudo isso bem sedimentado, o aprendizado posterior é favorecido.

“O ensino fundamental bem feito é a melhor base para um ensino médio forte que prepara o aluno para prestar os vestibulares de boas universidades. É nesta fase que o aluno é alfabetizado, e na qual a sua habilidade é aflorada. A escola que valoriza o ensino fundamental está garantindo esta base”, afirma Marcos Loturco, diretor do Integral de Campinas, unidade Parque Prado.

A capacidade do aprendizado

De acordo com estudos do pedagogo e pesquisador espanhol Juan Valls Juliá, especialista em neurologia e aprendizagem, quanto mais o cérebro for estimulado nesse período, mais conexões ele cria, aumentando a capacidade de aprendizado e memória. O estímulo é feito por meio dos cinco sentidos: expondo a criança à música, à leitura, aos sabores, aos cheiros e às texturas.

Para garantir que o futuro do seu filho seja brilhante, ajude-o no desenvolvimento de suas habilidades e de sua capacidade de aprendizado. A melhor maneira de fazer isso é aumentando o prazer de estudar, ensinando-o a criar o hábito, por intermédio da leitura; além de contar com uma boa escola.

A capacidade de aprendizado: a base da formação

As tarefas e a rotina de estudo

É importante que os pais e a escola mostrem para as crianças a importância das tarefas de casa, e com isso elaborem uma rotina diária de estudos para que elas possam rever o conteúdo ensinado. Cristina Tempesta, diretora pedagógica do Colégio Progresso, explica que a tarefa de casa é o que vai levar a criança a adquirir o hábito de estudo. “Nessa faixa etária, a tarefa de casa é a ferramenta que vai levar a criança a sentar diariamente para estudar, e isso fará com que ela adquira o hábito”, recomenda.

Essa rotina de estudo não se aprende de uma hora para outra. É preciso uma sequência, uma disciplina e muita organização. “A criança precisa saber que tem que fazer a tarefa e, a partir daí ser disciplinada e organizada, para dar conta das tarefas e das brincadeiras. Não se cria esse hábito de estudo imediatamente. Se aprende na medida em que se treina, até tornar algo normal, como escovar os dentes e tomar banho”, explica Valéria Dellafina Barone, coordenadora pedagógica do Colégio Asther.

A tarefa e as rotinas: o hábito do estudo

Os pais também são fundamentais nesse processo ao se preocupar em reservar um lugar adequado para o filho estudar ou ler livros. “Os pais precisam ajudar os filhos a preservarem esse horário de estudo, além de proporcionar para eles um ambiente favorável em casa: sem sons, com iluminação, bem arejado e oferecer todos os recursos necessários, como obras de referências e fontes digitais, para o filho consultar quando precisar”, orienta Diógenes Silva, diretor pedagógico do Novo Anglo Taquaral. Ele explica que precisa ser um trabalho em conjunto com a escola e os pais. “A escola apresenta as tarefas e cobra que elas sejam feitas. Já a família monitora e dá apoio à criança. Para criar essa rotina de estudos, os pequenos precisam aprender a conciliar a escola com as horas de diversão, sempre com a ajuda dos pais.

“A melhor maneira de fazer isso, é com a divisão de tempo e, para isso, a criança precisa da ajuda de um adulto para orientá-la: quanto tempo vai ficar na TV, no videogame, no estudo, entre outras atividades. Porém, os pais precisam ter consciência que os filhos precisam brincar também. É importante cobrar os estudos, mas com muito tempo para a diversão”, pontua Cristina Tempesta.

O hábito da leitura

Para que essas horas de estudo não sejam chatas e maçantes, é importante que a criança desenvolva desde pequeno o amor pela leitura, e os pais têm um papel fundamental nessa questão. “A leitura é essencial neste período, e deve começar em casa, com as crianças ainda bem pequenas. Os pequenos precisam ouvir história, contar histórias, em casa e na escola todos os dias”, explica Diógenes Silva. É assim que as crianças vão aprender desde cedo as habilidades da leitura e da escrita. Valéria Dellafina Barone também defende que o hábito de leitura começa dentro de casa. “O gostar de ler se desenvolve na criança ainda pequena, em casa. A família dá início ao primeiro incentivo, comprando um livro e tirando pelo menos dez minutos do seu dia, que são importantíssimos, para contar uma história para a criança”, finaliza.

Monitoramento: conciliar o estudo com diversão

COMO AJUDAR SEU FILHO

– Estabeleça a divisão de tempo entre as tarefas e as brincadeiras

– Reserve um ambiente favorável aos estudos sem sons, com iluminação e bem arejado

– Incentive seu filho com leituras de história

Ajude-o com a disciplina e a organização

______________________________________________________________________

Comentários

Powered by Facebook Comments