destaques

A princesa de Mônaco

Publicado em: 11/12/2011

Por Renata Guerreiro

Ela pertence à família real de Mônaco. É extremamente linda. Ícone fashion e uma ótima amazona. Charlotte Marie Pomeline Casiraghi é simplesmente a filha da princesa Caroline de Mônaco e de seu segundo e finado marido, Stefano Casiraghi. Seu tio materno é o atual príncipe soberano de Mônaco, Albert II. Sua paixão: o hipismo.

Figura mais do que badalada do jet set internacional, Charlotte Casiraghi atrai as lentes dos insistentes paparazzi, em parte devido à sua beleza que lembra sua avó materna, a atriz Grace Kelly. Embora ainda não tenha o título de princesa, Charlotte é a quarta na linha de sucessão ao trono monegasco, atrás apenas de seus dois irmãos e mãe, a qual é a herdeira presuntiva, porém, com sem jeito descontraído, desinibido e meio bagunçado conquistou boa parte de Monte Carlo onde seus “súditos” já a chamam de princesa de verdade.

Aos 25 anos, Charlotte Casiraghi faz questão de rejeitar qualquer tipo de estereótipo de boa menina sem outros interesses além de festas e moda, e considera esta imagem o verdadeiro oposto do que realmente é.

“Como neta de um chefe de Estado, tenho certas obrigações, mas nada de excepcional, por isso, não posso posar como uma princesa e recusei, por exemplo, ser fotografada sobre a cama de Maria Antonieta. Isso passaria uma imagem contrária do que sou”, afirmou em entrevista concedida à edição francesa da Vogue.

Nas 23 páginas dedicadas a ela pela revista, a jovem, que pela primeira vez aceitou posar para uma capa, revela que suas grandes paixões na vida são o hipismo e a filosofia, e que entre suas preferências literárias estão muitos clássicos.

“Sempre li muito. Acho que herdei isso da minha mãe. Às vezes, leio cinco livros ao mesmo tempo, principalmente clássicos, como ‘O Vermelho e o Negro’, de Stendhal; ‘A Educação Sentimental’, de Flaubert, mas também Tabucchi, Joan Didion, Houellebecq, sem falar da poesia”, revelou.

De Charlotte, um dos rostos mais procurados em todos os eventos da alta sociedade europeia, destacam-se sua voz grave e calma e sua elegância natural, assim como um nível de exigência consigo mesma que se tornou “insuportável” na época em que se preparava para ingressar na universidade, relatou à Vogue.

Na entrevista, uma das raras que concedeu, a princesa, que cursou filosofia e flertou com o jornalismo ao lançar uma publicação gratuita sobre temas de conscientização social, afirmou que seu objetivo agora é se transformar em campeã de equitação.

“Os cavalos sempre fizeram parte da minha vida. Desde pequena minha mãe me fazia montar em pôneis. Montei a cavalo regularmente até os 18 anos. Agora a vontade voltou de repente”, declarou Charlotte.

A neta de Rainier de Mônaco também afirmou ter consciência da sorte que tem, mas avaliou que isso não é motivo para se conformar: “Não vou viver só com o que herdei: construir uma vida própria é importante”, concluiu.

A família real

Charlotte e seus dois irmãos Andrea (1984) e Pierre (1987) cresceram no pequeno principado do Mediterrâneo governado por seu avô materno, Rainier III. Em outubro de 1990, quando tinha quatro anos de idade, seu pai, o industrial italiano Stefano Casiraghi, morreu em um acidente de barco. Perturbada, sua mãe, a princesa Caroline, levou seus três filhos para longe de fotógrafos, isolando-se no vilarejo Midi, na comuna francesa de Saint-Rémy-de-Provence, perto de Avinhão.

Em 1991, aos cinco anos, Charlotte recebeu dos avós paternos, Giancarlo e Fernanda Casiraghi, uma pequena ilha perto de Sardenha avaliada entre 7 e 9 milhões de dólares. A ilha fazia parte da herança a que Stefano teria direito.

Em janeiro de 1999, ganhou um padrasto quando sua mãe desposou o príncipe Ernst August V de Hanôver. Alguns meses depois, nasceu sua meia-irmã, a princesa Alexandra de Hanôver, de quem se tornou madrinha. A família então se mudou para o subúrbio parisiense de Fontainebleau, para que Ernst ficasse perto dos filhos de seu primeiro casamento, que moram em Londres. Além disso, Charlotte tem uma boa relação com seus primos norteamericanos, da parte da avó Grace Kelly, e costuma passar uma semana de férias com eles.

A educação nobre

Enquanto esteve em Saint-Rémy-de-Provence, Charlotte foi aluna da École de la République. Entre 1999 e 2004, em Fontainebleau, estudou no liceu François Couperin, onde teve seu ensino secundário e sua preparação para o Baccalauréat (qualificação acadêmica francesa), em cujo exame passou com boas notas em julho de 2004.

Logo depois, foi matriculada no liceu Fénelon em Paris, esperando entrar para a Escola Normal Superior, mas não conseguiu chegar à lista de candidatos elegíveis para proceder ao exame oral. Atualmente, Casiraghi estuda Filosofia na Universidade Paris-Sorbonne (Paris IV), uma das treze instituições autônomas da Universidade de Paris. Charlotte fala fluentemente francês, inglês, italiano e um pouco de alemão.

Os hobbies: esportes e moda

Casiraghi desde cedo praticou saltos de obstáculo, participando de várias competições. Seu ex-treinador de equitação, Thierry Rozier, disse uma vez à revista Newsweek que Charlotte queria ser vista como uma amazona profissional ao invés de uma socialite. Entretanto, tal sonho deixou de existir quando ela começou a frequentar festas e eventos da alta sociedade e desfiles de moda. Ela também pratica musculação e esqui. Em 2006, a revista americana Vanity Fair colocou Casiraghi, que usa roupas da Chanel e da Alberta Ferretti, na lista internacional das mulheres mais bem vestidas.

A vida muito pessoal

O primeiro romance público de Charlotte foi com o austríaco Hubertus Herring Frankensdorf. Entre 2004 e 2006, Charlotte namorou Felix Winckler, filho de um advogado baseado em Bruxelas e irmão de sua amiga Cecile Winckler. Os dois eram vistos frequentemente em estações de esqui europeias ou no iate dos Grimaldi, Pacha III. Diz-se que a pressão da mídia e os rumores falsos de uma gravidez no verão de 2006 levaram à ruptura do relacionamento.

Charlotte, que é chamada de Charlie por amigos, desde março de 2007, namora Alex Dellal, filho do rico empresário Guy Dellal e de sua esposa, a brasileira Andrea. Regularmente fotografados fazendo compras juntos em Paris, ambos participam de funções sociais em Londres, onde Dellal mora e administra uma galeria. Casiraghi está passando uma longa estada em Londres, trabalhando como estagiária para o jornal The Independent.

Rio de Janeiro: seu paraíso

Charlotte já virou habitué do Rio de Janeiro. A princesa constantemente está na cidade maravilhosa, ora para participar de torneios internacionais de equitação, ora para aproveitar para tomar sol nas areias da praia de Ipanema.

Na última vez que esteve por aqui, em meados de agosto, Charlotte estava acompanhada por duas amigas e até comprou pulseiras e brincos de um vendedor ambulante. Em seguida, foi embora tranquilamente, usando camiseta, shorts jeans e chinelos.

Enfim, Charlotte já não se sente mais turista no Rio. Em 2008, ela passou o Reveillon em Copacabana ao lado do namorado Alex Della. No ano passado, a princesa esteve no país para a etapa brasileira do evento de hipismo promovido por Athina e ganhou festa surpresa de aniversário da sogra.

Coleção exclusiva da Gucci

Sua beleza, aliada à sua performance na pratica equitação na modalidade salto com obstáculos, fez a Gucci planejar uma coleção exclusiva para Charlotte. As roupas feitas pela grife italiana foram confeccionadas para o esporte, assim como os acessórios que as acompanham.

“Charlotte e sua paixão por salto de obstáculos trouxe o espírito da Gucci para vida com muita elegância. Nossa colaboração no design desse novo guarda-roupa foi guiado mais uma vez pela necessidade que os itens sejam corretamente técnicos e estilosos” afirmou a diretora criativa da marca, Frida Giannini.

Os tecidos usados foram selecionados para assegurar resistência e elasticidade. Blazers, polos, botões, pastilhas de sela, tapetes, viseiras e mantas, assim como um broche único, ganharam as iniciais de Charlotte.

“Adorei andar a cavalo vestindo peças da coleção que Frida projetou para mim no ano passado e amei ainda mais esse novo guarda-roupa. É o melhor do esporte em estilo” afirmou Charlotte.

Comentários

Powered by Facebook Comments